Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


calendário

Setembro 2017

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

Pesquisar

 

Mais sobre mim

foto do autor



Mensagens


Comentários recentes

  • Ciêncianazis

    Eu já não me interesso mais pela ciência atual com...

  • Arrefecimento GLOBAL

    O passado mês de agosto e também este mês foram do...

  • joão

    Fan...tástico. Mais barato ....e sem cheiro(s)João


Notas




Visitas

Flag Counter by Stats4U Show Stats for this Counter

Blogsportugal



A importância da reencarnação no entendimento do quotidiano

Domingo, 03.09.17


"O cristianismo recusa a ideia da reencarnação. É um erro muito grave, na medida em que isso impede os humanos de compreender como se manifesta a justiça divina. Não há que estranhar que depois tudo pareça insensato: quando não se vê a razão profunda das situações, dos acontecimentos, eles tornam-se incompreensíveis e conclui-se, a partir deles, que reina a injustiça por toda a parte. Em face do sofrimento e da desgraça, o cristão diz: «Foi Deus que quis.»
Ele próprio – é extraordinário! – nada fez para que lhe acontecessem aquelas desgraças, ele não é responsável por nada, o Senhor é que faz o que lhe apetece, e o que lhe apetece não se baseia em justiça nenhuma.
Ao recusar a reencarnação, o cristianismo só desencaminhou os humanos. Ao passo que, com a reencarnação, tudo se torna claro:
compreende-se como, de uma existência para a outra, se manifesta a lei das causas e das consequências. Já não é o Senhor que distribui bens e males sem nunca se saber porquê, o homem é o actor do seu destino. Deus permanece, pois, na Sua grandeza, no Seu esplendor, na Sua perfeição, na Sua justiça. "

 

Foto: Omraam Mikhaël Aïvanhov - Portugal

 

Omraam Mikhaël Aïvanhov

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 07:12

A água é de todos