Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


calendário

Abril 2017

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30

Pesquisar

 

Mais sobre mim

foto do autor



Mensagens


Comentários recentes

  • Ciêncianazis

    Eu já não me interesso mais pela ciência atual com...

  • Arrefecimento GLOBAL

    O passado mês de agosto e também este mês foram do...

  • joão

    Fan...tástico. Mais barato ....e sem cheiro(s)João


Notas




Visitas

Flag Counter by Stats4U Show Stats for this Counter

Blogsportugal



Índia: Licença de maternidade das mais longas do mundo

Quarta-feira, 05.04.17

O país aprovou recentemente uma lei que duplica a licença de maternidade paga, passando de 12 para 26 semanas. Canadá e Noruega são os dois países que ocupam o topo da lista.

Índia aprovou uma lei que duplica o tempo que uma mãe pode usufruir de licença de maternidade paga, de 12 para 26 semanas, ficando assim no terceiro lugar da lista mundial. Canadá é número 1, com 50 semanas, seguida da Noruega, com 44.

No entanto, a nova lei não é igual para todas as situações. A licença de maternidade de 26 semanas aplica-se apenas aos dois primeiros filhos. As mulheres que já têm dois ou mais filhos, mantém a licença de 12 semanas paga, assim como as que adoptem crianças com menos de 3 meses ou as que usam barrigas de aluguer. 

Esta medida visa impedir que as mulheres indianas deixem de trabalhar após terem o primeiro filho, o que acontece actualmente a 25% das mulheres.

As empresas com mais de 10 trabalhadores são obrigadas, a partir de agora e por lei, a dar as 26 semanas de licença de maternidade.

 

OIT em 2013-2014:

Temas relacionados:

RELAÇÃO ENTRE AMAMENTAÇÃO E INTELIGÊNCIA

RENDIMENTO BÁSICO INCONDICIONAL PARA TODOS

MAIS SAUDÁVEL E ECONÓMICO, OS BEBÉS ACTUALMENTE DORMEM EM CAIXAS

TRABALHO ESCRAVO, CADA VEZ MAIS ACTUAL?

RENDIMENTO BÁSICO PARA TODOS

 

Fonte:

Susana Krauss

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 08:11

A água é de todos