Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


calendário

Janeiro 2016

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31

Pesquisar

 

Mais sobre mim

foto do autor



Mensagens


Comentários recentes


Notas




Visitas

Flag Counter by Stats4U Show Stats for this Counter



Será que sabe como é o verdadeiro mapa mundi ?

Quarta-feira, 20.01.16

 

A grande maioria das pessoas, não tem uma noção real do mundo, dos continentes e seus territórios, por os ensinamentos escolares e dos meios de comunicação social serem completamente manipulados. Uma explicação plausível é o poder instituído não querer perder o seu poder e por isso apresentar o hemisfério norte muito maior do que o hemisfério sul.

A história
Gerardus Mercator Rupelmundanus ou Gerhard Kremer, foi um cartógrafo flamengo nascido em 1512 e que em 1569 revolucionou a cartografia ao conseguir representar o globo terrestre em um retângulo plano, a chamada “Projeção de Mercator”, na época, chamado por ele de “Nova et aucta orbis terrae descriptio ad usum navigantium emendate accommodata”.

Mercator utilizou 24 linhas verticais (chamados meridianos) e 12 horizontais (paralelos) que se iam afastando umas das outras conforme se aproximavam dos pólos.

Mas, como toda projeção cartográfica, a de Mercator possui uma distorção, só que nos pólos. Devido a isso da maneira como estão representados, os continentes afastados da linha do Equador ficam (muito) maiores do que são na realidade. Por exemplo, a Groenlândia que, na Projeção de Mercator aparece maior que a América do Sul, e do tamanho de África, quando afinal, a América do Sul e África são bem maiores.

 

Superfície Terrestre - Projeção - Mapa

Todos os mapas são representações gráficas e planas da superfície terrestre. Todo o mapa é uma representação que possui certa deformação, afinal estamos transformando uma informação curva numa representação plana. Então conforme o local da superfície terrestre que se pretende representar, escolhe-se uma projeção que mantenha as informações mais fiéis com a realidade do local de interesse.

 

 
  

Sabia que na realidade o hemisfério norte possui 18,9 milhões de milhas quadradas enquanto o hemisfério sul possui 38,6 milhões de milhas quadradas? Compare com a "realidade" cartográfica que conhece desde os tempos de escola!

 

 

 

 

 Agora, compare os reais 3,7 milhões de milhas quadradas da China com os 0,8 milhões de milhas quadradas da Groenlândia neste mapa ao lado!


 

 

Mais outra ilusão que nos ensinaram.

Sabia que a Europa tem somente 3,8 milhões de milhas quadradas enquanto a América do Sul chega aos 7 milhões de milhas quadradas? Mas no mapa da nossa escola e que vendem por todo o lado, a Europa aparece maior do que a América do sul, quando o Brasil é praticamente do tamanho da Europa sem a Rússia.


 Uma crítica que essa projecção recebe é o fato de ela possuir um caráter eurocêntrico. Se considerarmos o contexto histórico-geográfico no qual ela foi elaborada, podemos compreender melhor essa questão. Afinal, sua elaboração aconteceu num momento em que as expansões marítimas europeias estavam em seu auge, de modo que as regiões do sul do planeta não eram consideradas “relevantes”, assim o hemisfério sul foi totalmente distorcido.

 

Projecção de Mercator e projecção de Pedro/Peters

Qual dos dois mapas mundi corresponde então à realidade?

 

 O mapa que se segue corresponde à realidade, segundo a projecção de Pedro/Peters

ou ainda este

ou este

 

 

A imagem que se segue, o Mundo de Novacco em 1590 !

 Impressionante, já em 1590 se tinha uma noção bem real do mapa mundi, no entanto  quase 500 anos depois ainda ensinam nas escolas o mapa distorcido do mundo.

 

Qual a intenção do mapa distorcido?

Lembre-se:
"por trás de cada mapa, sempre existe um conteúdo Político-Ideológico".

 

 

Imagem real

 

O víd é bem curto e merece ser visto

 

Fontes:

brasilescola.uol

infoescola

anovaordemmundial

geoprofessora.blogspot.pt

canalkids.com.br

1.curso-objectivo.br

spg.com.br

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

A água é de todos


4 comentários

De Guida a 22.01.2016 às 00:01

Começo a achar que a escola não serviu para quase nada senão nos mentirem e aldrabarem ou tou a ver mal?

De Esperança Henriques a 22.01.2016 às 10:17

O que passam nos meios de comunicação e nas escolas é apenas propaganda e inverdades, por isso convém manter o povo doutourado mas ignorante.

Quem é que sabia dos carteis do petróleo, das farmacêuticas, dos alimentos, dos banqueiros, tudo o mesmo monopólio, tudo do mesmo dono.

Veja-se por aqui o exemplo.

https://www.youtube.com/watch?v=Mdg1aJy5mb0

De Artur Candarra a 27.01.2016 às 18:36

A escola foi um local de aprendizagem, sobretudo de mentiras e um tempo passado na inutilidade absoluta. Lamento profundamente esse tempo que por lá passei em que devia ter passado a brincar na natureza e a descobrir os ensinamentos que a natureza nos dá.

De INFOS a 31.01.2016 às 09:13

Todo o SISTEMA DE ENSINO se baseia em inverdades, todo ele e naturalmente a propaganda falava que todos que estudavam iriam ter um emprego bom e para sempre. MENTIRA. O SISTEMA não ensina nada de útil, ele ensina como o povo virar gado, somente isso.

Comentar post